domingo, 11 de julho de 2021

Mondaiji Volume 5 - Capítulo 5


Capítulo 5

Parte 1

——[Underwood], Área VIP, Quarto de Kasukabe You.

Os olhos de You se abriram quando ela acordou de repente. O ar saturado de umidade, algo típico dentro da Árvore da Água, estimulou as vias aéreas nasais de You. Ao que parece, ela estava dentro de um quarto dentro da Grande Árvore. Ainda atordoada, ela virou a cabeça para o lado e viu o Gato Cálico.

O Gato Cálico, que foi alertado pelo seu movimento, correu de imediato para o seu lado.

“Ou-Oujo! Tudo bem com você?”

– ...Gato Cálico.

Tendo sido ferido na batalha contra o enorme dragão, o Gato Cálico tinha estado em tratamento em [Underwood] desde então. Embora ainda tivesse bandagens enroladas em sua barriga, ele ainda assim correu para mostrar sua preocupação com a condição física de You.

“Oujo, você realmente me deu um grande susto! Vê-los carregá-la até aqui quase fez com que minhas velhas pernas cedessem também! O que estão dizendo é que foi nocauteada por uma pessoa que interveio na luta... Ainda está doendo?”

Nocauteada por uma pessoa que interveio— Ouvindo isso, You finalmente teve uma noção de sua situação atual.

– ...Eu perdi?

“A luta? O conflito terminou com um K.O. para ambos os lados.”

– ...?

Sem entender o que o Gato Cálico queria dizer com isso, You inclinou a cabeça em confusão.

No entanto, ela logo apoiou o corpo enquanto deslizava as pernas sobre a beirada da cama para se levantar. E foi então que uma súbita pontada de dor a atingiu no abdômen.

– Wu...!

A dor latejante e concentrada a fez quase desmaiar e cair sentada no chão. Entretanto, You não foi desestabilizada por sua lesão, mas sim pela surpresa que sentiu.

A dor não era insuportável e, portanto, ela podia concluir que não se tratava de uma lesão séria.

No entanto, You não conseguia se lembrar da causa dessa dor.

Griffith estava em posição de batalha, prestes a usar relâmpagos e redemoinhos que se originavam dele mesmo. Seguindo essa linha de pensamento, uma dor latejante e surda na região do abdômen seria muito estranha. Isso sem mencionar que ela não havia sofrido nenhum outro tipo de lesão em outras partes do corpo.

– Quem...

Quem— foi que me derrotou?

 

Parte 2

——[Underwood], Quartel General do Festival da Colheita.

Após a comoção entre You e Griffith, Izayoi, Asuka, Kuro Usagi e o líder de todos eles, Jin, se reuniram no quartel general de planejamento do festival.

Aquele que apareceu para representar a Comunidade [Duas Asas] foi o responsável pela mesma, seu líder, Griffith. O cara que foi atingido pelo golpe de You foi internado no hospital para tratar de seus ferimentos graves.

A atmosfera do lugar estava muito tensa. Embora ambas as partes estivessem apenas olhando fixamente uma para a outra, tendo uma mesa ao centro para separá-las, as emoções eram tão tensas que qualquer movimento em falso seria o bastante para desencadear uma briga. Embora Ren fosse o único ali a manter a calma, as costas dele já estavam encharcadas de suor frio a esta altura.

Um longo suspiro veio de Sala quando ela terminou de ler o relatório e olhou para cima, direcionando seu olhar para ambas as partes envolvidas, e então—

– ...Eu entendi a sequência de eventos que levaram até a situação atual. Eu não irei fazer nenhum tipo de investigação mais detalhada quanto as ações de ambas as partes no momento. Porém, se tal ofensa for repetida, os envolvidos terão que ser expulsos da área onde está ocorrendo o Festival da Colheita— Isso é tudo.

– Que tipo de piada você está tentando fazer agora!?

Griffith uivava alto enquanto batia repetidamente na mesa com a palma da mão.

Com sucesso, agora ele tinha todos os olhos da sala fixos nele.

– Representante Sala! Esses caras causaram danos ao meu camarada! No entanto, você optou por deixá-los sair impunes de forma leviana!?

– Você já se esqueceu da sua contribuição neste incidente? Os insultos feitos a mim... eu posso ignorar...

– Que bobagem é essa que você está dizendo!? Esse não é o tópico principal aqui!?

A escolha de palavras de Sala fez com que Asuka explodisse de raiva a acertasse a mesa com a palma de sua mão.

– Essa é a primeira vez que ouço falar sobre essa sua demissão pendente. Você é a pessoa que mais contribuiu na defesa de [Underwood], então por que precisa desistir de sua posição como Representante!?

– São assuntos oficiais da Aliança, não sou obrigada a discuti-los com você.

– ...O quê!?

A exclamação de Asuka saiu mais como um murmúrio, uma vez que ela não conseguiu encontrar palavras para responder a isso.

Asuka não esperava que Sala a rejeitasse tão abertamente, e tudo que pôde fazer foi cerrar os dentes, deixando as palavras revirarem em sua garganta. Se o motivo da desistência de Sala fosse o ato de ter quebrado o próprio chifre, não seria muito errado dizer que Asuka também tinha sua parcela de responsabilidade.

Sala parecia se sentir mal com isso quando desviou o olhar e continuou com o assunto principal.

– ...De todo modo, Griffith. É justo desafiá-lo para um duelo por sua propagação indiscriminada de calúnias, não é?

As palavras de Sala foram duras e repreensivas. No entanto, Griffith não pretendia recuar ainda.

– Claro. Se fosse um duelo e houvesse uma vítima, eu não teria nenhuma queixa. No entanto, aquela pirralha atacou e feriu meu camarada sem nenhum aviso! Isso é apenas um ato de violência!

As veias em seu rosto ficaram mais evidentes e latejavam com a raiva de Griffith. Mesmo assim, o motivo por trás desta raiva não era o que houve com seu camarada, isso era apenas um pretexto para mascarar o verdadeiro motivo: o constrangimento de sua Comunidade diante da multidão. A raiz ainda era seu orgulho egoísta.

Embora Sala já tivesse visto através dele, ela evitou trazer isso à tona e se levantou para sair.

Quando Griffith estava prestes a continuar a insistir, outra pessoa o interrompeu.

– —Apenas esqueça isso. Você não consegue ver que a Shasha-chan está se sentindo incomodada?

Tendo permanecido calado enquanto observava todo o procedimento de um canto da sala, onde estava se apoiando em uma parede, ele era a pessoa que havia interrompido o conflito— JaRyuu, com seu tapa-olho. Ele sorriu para Griffith semicerrando seu único olho até que ele formasse apenas uma linha.

Ouvindo-o a chamar de “Shasha-chan” naquele sotaque que ao mesmo tempo parecia e não parecia com o de Kansai, os ombros de Sala caíram de forma desanimada.

– JaRyuu-sama... Isso... eu já tenho duzentos anos de idade e você ainda me chama de Shasha-chan... Isso não é um pouco...

– Hahahaha! Você fala igual a minha irmã, Shasha-chan!

JaRyuu falou calorosamente com seu falso sotaque de Kansai enquanto sorria de uma forma que parecia não usar os músculos que deveriam ser usados para um verdadeiro sorriso. Com aquele mesmo sorriso insincero, que deixava as pessoas desconfiadas, estampado em seu rosto, ele desviou o olhar para Griffith.

– De qualquer modo, pelo seu raciocínio, isso não é bem verdade. Segundo os relatórios, a senhorita dos [Sem Nome] estava um tanto quanto na defensiva.

– O... o que você disse!?

A raiva de Asuka fez seu tom subir uma oitava enquanto ela protestava. Ainda assim, estava claro que, comparado com Griffith, que se levantou para começar a vomitar protestos, ela estava muito mais calma.

– Além disso, quem diabos é você? Este é um problema entre nós da [Sem Nome] e a [Duas Asas]! Qualquer tipo de julgamento deve ser deixado nas mãos da Sala, que é a líder da Aliança [Draco Greif].

Asuka disse com animosidade aberta em relação a JaRyuu.

– Espere, Asuka... Espere um pouco! Essa pessoa é um amigo do Draco Greif e também o conselheiro da Aliança! Ele definitivamente não é uma pessoa suspeita!

Sala interveio rapidamente.

– ...Conselheiro? Eu não ouvi falar que havia alguém com tal título em nossa Aliança.

Griffith franziu a testa de surpresa. Sendo o líder da [Duas Asas] e parte da Aliança, ele nunca havia ouvido falar de tal posição, e isso mostrava o quanto isso era duvidoso.

Sua reação só conseguiu fazer com que os demais aprofundassem suas suspeitas.

JaRyuu sorriu levemente enquanto esfregava o cabelo com a mão, parecendo preocupado. Aparentemente como seu último recurso, ele tirou um [Gift Card] azul marinho de dentro de sua manga.

Vendo o nome do Gift que estava gravado no cartão, os rostos de todos ficaram pálidos.

As palavras escritas no [Gift Card] azul marinho eram— Grande Sábio que Devasta os Mares.

– Grande... Grande Sábio que Devasta os Mares, Rei Demônio Sáurio?

– Sáu... o JaRyuu-san na verdade é um dos Sete Grandes Reis Demônios!?

Kuro Usagi também exclamou de surpresa, embora ligeiramente mais devagar que Griffith.

JaRyuu suspirou e esfregou a cabeça com a mão de forma desajeitada.

– Draco Greif e Garol cuidaram de mim no passado, então decidi ficar por aqui por um tempo como forma de retribuir o favor.

JaRyuu riu com vontade.

Não havia nenhum traço de malícia em seu sorriso.

No entanto, as emoções de Kuro Usagi estavam turbulentas. Ela havia visto a irmã jurada dele há alguns dias atrás, enquanto era forçada a acompanhar Shiroyasha.

Poderia ser que o motivo pelo qual a Shiroyasha-sama veio para o Festival da Colheita de [Underwood]... seja essa pessoa?

Aquela que ela havia encontrado antes. Grande Sábia que Deixa o Céu em Desordem, Rainha Demônio Roca, estava classificada em quarto lugar entre os Sete Grandes Reis Demônios.

Em outras palavras, o poder dela se equiparava ao da linhagem real da Fênix ou era ainda maior.

Inacreditável... Um figurão desses vagando pelos níveis inferiores... Com esse tipo de força, ele seria no mínimo do calibre de um [Demon Lord] de nível cinco.

Embora Kuro Usagi soubesse que JaRyuu não era de modo algum uma pessoa qualquer desde o momento em que o encontrou, esse era um nível bem acima do que ela tinha imaginado. Todos reconheciam seu poder, mas ela não tinha o objetivo de tentar melhorar isso.

Parecendo notar o olhar de Kuro Usagi, ele sorriu para ela. No entanto, após a revelação de que ele era um [Demon Lord], aquele sorriso tornou-se ainda mais suspeito.

– Hmph... no fim, você é apenas um vagabundo preguiçoso se aproveitando de nós! Você nem sequer participou da batalha contra o enorme dragão e ainda ousa mostrar sua cara aqui dizendo ser um conselheiro. Que direitos você tem para interferir em nossa luta?

– Sim, você tem razão. No que diz respeito ao enorme dragão, eu não irei tentar me defender quanto a isso... no entanto, este é um assunto diferente. Desta vez, eu devo interferir a todo custo.

– O quê?

Griffith olhou para ele com olhos cheios de animosidade.

O olho fechado se abriu ligeiramente e JaRyuu disse com um tom frio.

– Ó céus, você tem ideia de quem você estava exigindo que pagasse o débito com você, jovem peludinho?

– ...Essa não é uma pergunta retórica neste momento? Claro que são os [Sem Nome].

– Idiota. Essas crianças não são o problema principal. A Shasha-chan também não. O problema mais assustador aqui é... seus insultos aos camaradas da Shiroyasha.

Embora estivesse prestes a falar novamente, Griffith engoliu em seco nervosamente quando ficou pálido e seus olhos se arregalaram em compreensão. A cena era como a de uma cobra olhando para um sapo até que este ficasse estupefato. Continuando seu ataque, JaRyuu acrescentou,

– O grifo mencionado é um membro da [Thousand Eyes]. Se a notícia de que você caluniou um de seus camaradas e manchou a reputação da Comunidade se espalhar— a [Duas Asas] pode não durar mais dois dias e acabar obliterada, não acha?

– Hu...!

– Shiroyasha, que é reconhecida como a mais poderosa [Floor Master], também é um Ser Celestial da Noite Branca. O que é mais assustador é que ela possui a autoridade sobre quatorze sóis diferentes. Indo direto ao ponto— Você está tentando arrumar briga contra quatorze enormes dragões?

Quando essas palavras foram ditas, as pessoas que sentiram calafrios não se limitaram a Griffith, todos na sala se arrepiaram.

——O enorme dragão que os atacou anteriormente foi aquele invocado através do uso da autoridade [Ophiucus]. E esse era o poder de apenas uma Autoridade do Sol.

Conhecida como detentora de Autoridades Solares, Shiroyasha possuía quatorze delas, mais da metade de todas as Autoridades Solares existentes.

– ...E foi por isso que eu tive que intervir. Enfrentar um Ser Celestial ou um Buda não é piada. Porque isso vai causar apenas um estado de devastação e, acho que nem preciso dizer, sua Bandeira deixará de existir. Haa... esse tipo de coisa é ainda pior do que você pode imaginar. Para falar a verdade... não tente ver o pôr do sol sendo assim tão jovem.

As palavras de JaRyuu continham muita autopiedade e ele deu tapinhas no ombro de Griffith.

Era um tom que transmitia toda a compreensão e os arrependimentos de ter feito muitos inimigos entre os Shura Budistas.

Embora a insatisfação de Griffith pudesse ser vista em seus olhos, ele se manteve em silêncio. Afinal, Griffith sabia que JaRyuu estava falando a verdade e não tinha motivos para protestar.

Estalando a língua uma vez, Griffith caminhou até as portas e estendeu a mão para a maçaneta, planejando ir embora.

Porém, atrás dele uma pessoa gritou para impedi-lo, não podendo concordar com este final.

– ...Ei, Cara de Cavalo, espere um pouco! Quem disse que você pode sair assim?

– O quê!?

Griffith se voltou, perplexo.

Essa reação foi perfeitamente normal. Ao que parece, nunca em sua vida qualquer um ousou chamar o líder da [Duas Asas] de cara de cavalo. No entanto, Izayoi não poderia se importar menos com isso enquanto se levantava lentamente, antes de lançar um olhar furioso e arrogante na direção de Griffith.

– Não tente fugir. O assunto da Shiroyasha com você não é problema nosso. Por que precisaríamos ceder por causa disso?

– Iza... Izayoi-san...

Kuro Usagi não pôde deixar de se sentir ansiosa.

Mesmo que também estivesse furiosa com o ocorrido, ela não queria que isso se transformasse em um derramamento de sangue desnecessário. A destruição da Comunidade poderia ser um pouco exagerado, mas Shiroyasha certamente planejaria algum tipo de vingança. Embora Shiroyasha normalmente agisse fazendo palhaçadas, ela certamente iria agir com seriedade em situações como essa. Se ela ficasse sabendo que alguém ousou insultar um de seus camaradas, ela definitivamente se transformaria em uma Shura Budista que poderia derrotar milhares e causar uma grande confusão.

JaRyuu também ficou surpreso com a explosão de Izayoi e colocou a mão sobre o ombro dele.

– Eu digo para nos acalmarmos por um tempo, jovem. Eu entendo seus sentimentos, mas a pessoa que moveu os punhos primeiro foi sua camarada. Em circunstâncias normais, não seria nada surpreendente que vocês também fossem punidos.

– Há! Que piada é essa que você está tentando contar!? Você está tentando dizer que usar abuso verbal para ferir outras pessoas é um ato perdoável? Embora o abuso verbal não seja igual a usar uma lâmina e não deixe nenhuma ferida física que cause sangramentos, ele tem o poder de ferir a alma da vítima, fazendo com que a outra parte possa golpear sem que isso seja visto pelos outros do lado de fora... Na minha opinião, esse tipo de método só pode ser usado por pessoas desprezíveis e podres, uma escória pior que o próprio lixo! Eu preciso dizer o quanto isso pode machucar uma garotinha de dez anos!?

Ele voltou seu olhar zangado para JaRyuu.

Vendo como Izayoi estava irritado, isso causou um choque nos demais membros da [Sem Nome]. Eles jamais esperavam que Izayoi, que parecia ter sempre um sorriso pendurado nos lábios, ficasse exaltado a esse ponto pelo bem de seus camaradas.

– Se a Shiroyasha decidir atacar, a razão seria basicamente essa mesma ideia... Estou certo?

Sob o olhar de Izayoi, JaRyuu pensou um pouco sobre o assunto.

– ...Quando você coloca dessa forma, realmente faz algum sentido.

– Oi! O quê!?

– Embora eu diga isso, levando em conta que o Festival da Colheita ainda está em andamento e que os demais participantes também ainda estão aproveitando... vamos apenas resolver isso da maneira tradicional de Little Garden. Usem um [Gift Game] para batalhar. O que acham?

JaRyuu sorriu ao dar essa sugestão.

Essa sugestão também foi muito boa. Izayoi imediatamente balançou a cabeça em concordância e voltou seu olhar para Griffith.

– No maior evento entre os [Gift Games] do Festival da Colheita, a [Corrida de Hipocampos] daqui a dois dias. Vamos usá-la para resolver isso. Os perdedores terão que se ajoelhar e pedir perdão aos vencedores. Algum problema com isso?

– ...Hmph. Então comece os seus preparativos para ser completamente humilhado.

– Essas são exatamente as palavras que tenho para você. Lembre-se disso, Cara de Cavalo. A espada que você acabou de desembainhar possui dois gumes. Você pode ridicularizar as feridas do Gry, mas elas foram as minhas mãos e pernas, os quais eu vou usar para saldar essa dívida com você.

Embora Izayoi estivesse emanando uma pressão assustadora devido à sua raiva, Griffith apenas estalou a língua novamente antes de deixar o quartel general.

Acompanhando as costas de Griffith desaparecerem, JaRyuu soltou um longo suspiro.

– Desculpe, jovem. Sua decisão é muito razoável, de fato. Obrigado por ser capaz de se controlar até este ponto.

– Não é nada. Não fiz isso por você, de todo modo.

Izayoi voltou a se sentar com desdém.

Entretanto, seu temperamento ruim não durou muito e ele logo voltou a abrir um sorriso, parecendo ter pensado em algo quando olhou para JaRyuu.

– ...Parando para pensar sobre isso, é realmente muito chocante. Embora eu soubesse que você era forte, nunca nem me passou pela cabeça que você fosse aquele descrito em [A Jornada para o Oeste], Rei Demônio Sáurio. Não há muitas informações registradas a seu respeito, e então eu sempre quis ter a chance de ter uma boa conversa com você algum dia.

– Sim, eu também! Eu gostaria de saber até que ponto a famosa história [A Jornada para o Oeste] é verdadeira.

– YES! A Kuro Usagi também gostaria de saber mais sobre isso !

O grupo dos [Sem Nome] estava olhando para ele com os olhos cheios de entusiasmo e admiração.

O sorriso de JaRyuu vacilou enquanto ele se afastava.

– Ah não. Não há necessidade disso. O que há para saber sobre um homem antigo...

– Preparamos várias comidas deliciosas.

– Também há vários acompanhamentos deliciosos.

– E vinho de qualidade... mas vamos beber suco em vez disso. Então, vamos lá!

Bom. Tudo pronto— as duas crianças problemáticas e aquela que supostamente deveria cuidar delas deixaram seu ponto bem claro.

Percebendo o quão fútil seria tentar escapar, o Rei Demônio Sáurio pôde apenas sorrir ironicamente enquanto se afundava em uma das cadeiras.

 

Parte 3

——No mesmo momento, Shiroyasha havia monopolizado o palco principal do Festival da Colheita, segurando seu leque alto no ar.

– —e pelos motivos acima! Aquele que participarem do evento principal do Festival da Colheita, a Corrida de Hipocampos! Esteja você alugando ou usando um Hipocampo—! Todos devem usar trajes de banho!

– Wooooooooooooooooooooah!

– Viva a Shiroyasha-sama! Viva a Shiroyasha-sama! Viva a Shiroyasha-sama!

– Vida longa à [Thousand Eyes]! Vida longa à [Thousand Eyes]! Vida longa à [Thousand Eyes]!

O público... não, eram apenas os bêbados que estavam dando muitos vivas e batendo palmas.

Shiroyasha abriu os braços de maneira séria e divina.

– Além disso, sobre a juíza escolhida especialmente, Kuro Usagi! Durante o período em que ela estiver agindo como juíza, ela deverá usar um biquini!!!

– Hurraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaayyyyyyyyyyyyyy!!!!!!

– Viva a heroína da justiça, Shiroyasha! Viva a heroína da justiça, Shiroyasha! Viva a heroína da justiça, Shiroyasha!

– Viva a Kuro Usagi de biquini! Viva a Kuro Usagi de biquini! Viva a Kuro Usagi de biquini!

– Wahahahaha! Todos vocês, louvem-me! Deuses e Budas, temam-me! Eu sou o símbolo do Sol que nunca se põe! Dominadora do Horizonte! [Demon Lord da Noite Branca], eu sou a Rainha da Noite Branca!

——A situação estava fora de controle. Literalmente.

Kuro Usagi, que geralmente era a responsável por discordar de tudo o que Shiroyasha dizia, não estava por perto.

A anfitriã do evento, Sala, também não estava por perto.

A assistente da loja, que geralmente restringia sua liberdade, já estava fora de si por causa das bebidas.

Sem ninguém para restringir a uma vez acorrentada Shiroyasha, que havia escapado, todos os participantes apoiaram alegremente suas proclamações.

A primeira noite do Festival da Colheita— ninguém estava por perto para impedir a recém-descoberta liberdade de Shiroyasha.

Apenas um quarto de lua nova brilhava suavemente no céu, recusando-se a comentar enquanto observava a multidão.